Brasileiros e Baryshnikov no Festival de Outono de Paris

The Old Woman, de Daniil Kharms, com direção, cenografia e iluminação de Robert Wilson. Elenco: Mikhail Baryshnikov e Willem Dafoe.

Théâtre de la Ville (2 Place du Chatêlet, 75004, Paris, França), programação do Festival D’Automne.

Espetáculo em inglês e russo, com legendas em francês. Duração: 1h20.

De 6 a 23 de novembro/2013.

www.festival-automne.com.

 

O Festival de Outono de Paris, que até janeiro de 2014 apresenta cerca de 60 eventos em 40 locais da capital francesa (em museus, teatros, cinemas), coloca em destaque, na edição deste ano, a obra do diretor cênico e artista plástico norte-americano Robert Wilson.

Considerado um “revolucionário do olhar”, Wilson é autor de uma obra que engloba teatro, dança, música, ópera e artes visuais.

Na programação que o Festival de Outono preparou sobre sua obra há desde uma grande exposição no Museu do Louvre sobre o trabalho do artista, até a encenação da ópera Einstein on the Beach, com 4h30 de duração.

A grande sensação, no entanto, deve ser a estreia da peça The Old Woman, estrelada pelo bailarino e ator Mikhail Baryshnikov e pelo ator Willem Dafoe. Esta obra teatral recupera o texto A Velha, do escritor, dramaturgo e poeta surrealista russo Daniil Kharms (1905-1942), incluído em livro recentemente lançado no Brasil (Os Sonhos Teus Vão Acabar Contigo, pela Editora Kalinka).

“Fazia algum tempo que eu e Baryshnikov cogitávamos a possibilidade de trabalharmos juntos”, diz Wilson. “Cerca de um ano atrás, decidimos montar The Old Woman. Me senti atraído pela obra de Daniil Kharms porque me fazia lembrar de meus primeiros textos, como A Letter for Queen Victoria e Death Destruction and Detroit, entre outros. Aquelas partituras verbais para meus espetáculos não rimavam estritamente com nada e foi a primeira razão de meu interesse pelas palavras de Kharms. Eu também me interessei por seus desenhos, que o revelaram como artista plástico. Para completar, eu ainda queria trabalhar novamente com Willem Dafoe. Vejo estes dois homens, Baryshnikov e Dafoe, como as duas faces da personalidade de Daniil Kharms”.  

A programação desta 42ª edição do Festival de Outono de Paris também inclui expressiva participação de brasileiros, todos artistas da dança. São eles Lia Rodrigues, Marcelo Evelin e o Grupo de Rua de Bruno Beltrão.

Lia e seu grupo (com o espetáculo Pindorama), estão programados para novembro, assim como o Grupo de Rua (com Crackz). Marcelo Evelin e seu elenco, com Matadouro, apresentam-se  em outubro.