O solo “Da Natureza da Besta” marca a volta de Mauricio de Oliveira ao palco

Mauricio de Oliveira nasceu em Goiânia, mas sua carreira se desenvolveu especialmente em São Paulo e na Europa, onde viveu e trabalhou por 11 anos, entre Alemanha e Holanda. Em 2004, quando retornou ao Brasil, onde já havia dançado no Balé da Cidade de São Paulo, trazia experiências com coreógrafos referenciais – como Johann Kresnik, Amanda Miller e William Forsythe (em cuja festejada companhia Mauricio destacou-se como o único brasileiro).

Mais uma vez, ele se estabeleceu na capital paulista, onde fundou em 2005 a Siameses Companhia de Dança, que desde o início mostrou seu requinte artístico, no espetáculo Jardim Noturno. Desde então, os trabalhos autorais de Mauricio e seu elenco destacam-se na cena paulistana. Agora, neste setembro de 2021, após o recesso provocado pela pandemia do novo coronarívus, este coreógrafo e também artista plástico retorna à cena com o projeto Corpos Octópodes, uma trilogia que começa com o solo Da Natureza da Besta.

Com direção da atriz Ester Laccava, Da Natureza da Besta marca o retorno de Mauricio de Oliveira ao palco, como bailarino. A estreia deste solo, que inaugura a trilogia Corpos Octópodes, acontece no Centro Cultural São Paulo. As duas outras criações – Moscas de Fogo e Nas bordas daquilo que se fura, interpretadas pelo elenco, agora denominado Laboratório Siameses, para marcar a nova fase – devem estrear ainda neste segundo semestre de 2021, em datas a serem definidas.

A realização do projeto Corpos Octópodes está sendo viabilizada pelo 29º edital do Fomento à Dança da Cidade de São Paulo.

Em Da Natureza da Besta, Mauricio é um soldado numa guerra, ora desesperado na fuga de um ataque, ora completamente vivo em suas memórias e registros, ou ainda esmagado pela dor e cansaço de uma luta interminável, ou somente o homem que anseia por liberdade, poesia e prazer.

“Nesse momento atual de vida, me sinto mais flexível e mais liberto por ter ultrapassado uma série de barreiras e também por ter abandonado imagens antigas de mim mesmo”, diz Mauricio. “Isso me tornou mais curioso e mais amplo, me permitindo desembestar em direção a coisas que me despertavam interesse, como música e teatro, que haviam ficado para trás”.

Além de Ester Laccava, Da Natureza da Besta conta com outros colaboradores importantes: a light designer Mirella Brandi, o musicista Muepetmo e o estilista Ronaldo Fraga, que assina a criação do figurino.

Onde:
Centro Cultural São Paulo
Sala Ademar Guerra
Quando:
17 a 19 de setembro/2021
Sexta às 20h
Sábado e domingo às 17h e 20h
Quanto:
Grátis
Info:

Rua Vergueiro, 1.000, Paraíso, São Paulo, SP.

Duração: 50 minutos.

Classificação etária: 14 anos.

Lotação máxima: 30 lugares.

Os ingressos serão distribuídos 1h antes do espetáculo e todos os protocolos de segurança sanitária estão sendo respeitados.