‘Happy Island’, do grupo Dançando com a Diferença, estreia na Bienal Sesc de Dança

Kitch, mitológico, sexual, cabarético e geométrico. Assim é Happy Island, espetáculo que nasceu de um convite do diretor brasileiro Henrique Amoedo e seu grupo – o Dançando com a Diferença, companhia de dança inclusiva profissional sediada na Ilha da Madeira, em Portugal – à coreógrafa espanhola La Ribot, que reside em Genebra (Suíça).

O encontro entre esses artistas originou uma montagem de dança contemporânea que fala dos desejos mais íntimos, dos sonhos e da beleza dos intérpretes.

Foto: Julio Silva Castro

Além das singularidades dos bailarinos, a coreografia também tem como elemento fundamental a própria Ilha da Madeira, presente em cena por meio do filme da cineasta Raquel Freire. É nela que as figuras de Happy Island estão numa grande catarse orgíaca de libertação individual.

A peça cria um ambiente onde a fantasia e o real se aproximam e convida o público a olhar mais atentamente para a verdade e a capacidade de transformação de cada um. “É um retrato da impossibilidade de existir, um contraste entre o real tornado mitológico, uma obra que procura descrever um encontro tornado utopia”, diz Amoedo.

Foto: Julio Silva Castro

Direção e coreografia: La Ribot | Bailarinos: Bárbara Matos, Joana Caetano, Maria João Pereira, Sofia Marote e Pedro Alexandre Silva | Assistente de coreografia: Telmo Ferreira | Realização do filme: Raquel Freire | Colaboração artística: Josep-María Martín | Músicas: Francesco Tristano, Jeff Mills, Archie Shepp, Oliver Mental Grouve, Atom™ e Raw C + Pharmakustik.

Foto: Raquel Freire

Fundado em 2001, o Dançando com a Diferença é uma companhia profissional de dança inclusiva de Portugal, com sede na Ilha da Madeira, sob a direção artística de Henrique Amoedo.

Foto: Carlos Fernandes

 

Agenda do primeiro fim de semana da Bienal Sesc de Dança:

 

STRIP TEMPO – STRIPTEASES CONTEMPORÂNEOS – VOLUMES 1 E 2 | Jorge Alencar (Bahia): Dia 14, sábado, às 21h30 (Volume 1) | Dia 15, domingo, às 20h30 (Volume 2) | Galpão do Sesc Campinas | Duração: 75 minutos | Classificação etária: 18 anos | Ingressos: R$ 30,00; R$ 15,00 (estudante com carteirinha e aposentado) e R$ 9,00 (credencial plena).

Espetáculo infantil: SUPERNADA EP01 | Clarice Lima (Ceará): Dia 14, sábado, às 11h | Dia 15, domingo, às 11h | Praça Carlos Gomes | Duração: 30 minutos | Classificação etária: Livre | Ingressos: Grátis. 

TUDO QUE PASSA E FICA | OEFEHÁ (São Paulo): Dia 14, sábado, às 11h | Dia 15, domingo, às 11h | Centro de Convivência | Duração: 180 minutos (sábado) e 120 minutos (domingo) | Classificação etária: Livre | Ingressos: Grátis.

Performance: PROCEDIMENTO 2 PARA LUGAR NENHUM | Vera Sala (São Paulo): Dia 14, sábado, às 20h | CIS Guanabara – Armazém Sala Preta | Duração: 50 minutos | Classificação etária: 12 anos | Ingressos: R$ 40,00; R$ 20,00 (estudante com carteirinha e aposentado) e R$ 12,00 (credencial plena).

Instalação: O BANHO | Marta Soares (São Paulo): Dia 14, sábado, às 18h30| Dia 15, domingo, às 18h30 | CIS Guanabara – Armazém Sala Branca | Duração: 50 minutos | Classificação etária: 18 anos | Ingressos: R$ 30,00; R$ 15,00 (estudante com carteirinha e aposentado) e R$ 9,00 (credencial plena).

BOAS GAROTAS | Clarissa Sacchelli (São Paulo): Dia 14, sábado, às 19h | Dia 15, domingo, às 19h | Sala de Múltiplo Uso 2 do Sesc Campinas | Duração: 70 minutos | Classificação etária: 14 anos | Ingressos: R$ 30,00; R$ 15,00 (estudante com carteirinha e aposentado) e R$ 9,00 (credencial plena).

A VIDA ENORME | Emmanuelle Huynh/ Plateforme Múa (França): Dia 15, domingo, às 17h | CIS Guanabara – Gare | Duração: 60 minutos | Classificação etária: 14 anos | Ingressos: R$ 30,00; R$ 15,00 (estudante com carteirinha e aposentado) e R$ 9,00 (credencial plena).

TRABALHO NORMAL | Claudia Müller (Rio de Janeiro): De 15 a 19, domingo a quinta-feira, das 10h às 19h | Área de Convivência do Sesc Campinas | Duração: 8 horas por dia | Classificação etária: Livre | Ingressos: Grátis.

Veja programação completa em: https://bit.ly/2kcg1qI

 

Onde:
Teatro Castro Mendes
Quando:
14 e 15 de setembro/2019
Sábado às 20h30
Domingo às 18h
Quanto:
R$ 40, R$ 20, R$ 12
Info:

Rua Conselheiro Gomide, 62, Vila Industrial, Campinas (SP), tel. (19) 3272-9359.

Duração: 70 minutos.

Classificação etária: 12 anos.