Companhia Perdida
Peças curtas para desesquecer

Esta série coreográfica de oito pequenas peças, de 10 a 20 minutos cada, é resultado de pesquisa sobre memórias sensoriais das próprias intérpretes. A concepção é de Juliana Moraes (foto), que dirige a Companhia Perdida e integra o elenco de cinco criadoras-intérpretes. A trilha sonora é de Laércio Resende, os figurinos de Flávia Aranha e a instalação cenográfica de Georgia Kyriakakis. Criação e interpretação: Érica Tessarolo, Carolina Callegaro, Isabel Monteiro, Flávia Scheye, Renan Marcondes, Samanta Rocha e Juliana Moraes. Artistas colaboradores: Ana Terra, Gustavo Sol e Antônio Januzeli.

Durante a temporada, as peças serão apresentadas em dois programas.

Programa 1 (de 27 a 29/9): Solo de Carolina Callegaro; Solo de Juliana Moraes; Trio sobre o mesmo tema; Grupo em chão.

Programa 2 (2, 4, 5 e 6/10): Solo de Isabel Monteiro; Solo de Flávia Scheye; Duo Corpo em Metal; Grupo em chão.

Onde:
Sala Crisantempo
Quando:
27 a 29 de setembro
2, 4, 5 e 6 de outubro
Quarta, sexta e sábado às 21h
Domingo às 19h
Quanto:
Grátis
Info:
Rua Fidalga, 521, Vila Madalena, São Paulo (SP), tel. (11) 3819-2287. Bilheteria abre 1h antes da apresentação. www.salacrisantempo.com.br.